Atualizado em: dezembro 16, 2020

Os tomates são frutos que trazem inúmeros benefícios para a saúde, desde evitar a acumulação de líquidos até a prevenção de alguns tipos de câncer. Além disso, o vegetal tem muitos nutrientes – como vitaminas e minerais – e poucas calorias e gorduras, o que o torna ideal para as dietas de emagrecimento. Mas, para aproveitar ao máximo as vantagens e o sabor desse fruto, é preciso conhecer as diferenças entre cada tipo de tomate e como usá-los. Por exemplo, você sabia que alguns tipos de tomate não são indicados para fazer molhos e outros que combinam mais com entradas e saladas? Então, confira as principais variedades de tomate e o tipo de prato mais indicado para cada um deles.

Quais são os tipos de tomate?

1 – Tomate Carmem: esse tomate é grande e firme e é a variedade mais consumida no Brasil. Tem a vantagem de durar bastante tempo antes de estragar, mas como é muito aguado, não é muito indicado para molhos. Dê preferência a ele na hora de fazer saladas ou para recheá-lo.

2 – Tomate Italiano: é o tomate ideal para fazer molhos, já que é mais carnudo e tem menos água e sementes. Além disso, ele tem gosto doce e forte, mas estraga mais rápido que outras variedades.

3 – Tomate Débora: menos ácido que o tomate Carmem, mas tem mais sementes que o Italiano. É um tipo de tomate bastante coringa, podendo ser usado em saladas, molhos e até para fazer tomate seco. Mas é preciso ter cuidado, já que ele tem bastante água.

4 – Tomate Holandês: é vendido em ramos e sua apresentação é ótima para enfeitar a mesa. Na hora de comprar, é importante ver se os ramos ainda estão verdes, já que os ramos marrons indicam que o tomate está passado. Com sabor mais adocicado e pouca acidez, é indicado para saladas, molhos e pratos quentes como risotos.

5 – Tomate Caqui: esse tipo de tomate é bem grande e vermelho e seu sabor é marcante e adocicado. Ele é muito indicado para saladas e vinagrete, mas não fica muito bem em molhos.

6 – Tomate Cereja: é um tomate pequeno e adocicado. Ele é refrescante e aguado, sendo ideal para saladas, aperitivos, massas e risotos, mas não funciona bem em molhos – além de dar trabalho devido ao seu tamanho.

7 – Tomate Sweet Grape: parece um tomate Italiano em miniatura e é bastante carnudo. Esse tipo de tomate parece uma uva e é bem doce, daí vem o seu nome. É ideal para pratos frios, combinado com ervas e queijos. Mas é melhor evitá-lo em molhos e sucos.

Fonte: https://www.conquistesuavida.com.br/

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *